Banner

Quando a Voz de Deus Soa - Propagando o Reino de Deus

Parcerias



Palavra Diária - Blog Evangélico de estudos da palavra

domingo, 12 de junho de 2016

"Escolhendo a Vontade do Pai"

Graça e Paz da parte de Deus à todos!

Para nossa meditação...

"(...) Ó meu Pai, se possível for, passa de mim este cálice! Contudo, não seja como Eu desejo, mas sim como Tu queres." (Mt. 26. 39)

Cada vez que medito neste texto, muito mais aprendo. Não consigo ver a penas a Divindade de Jesus, mas também a sua Humanidade.
Quando passamos a compreender o lado humano do Mestre, passamos então a "nos entender/compreender". O Mestre, em particular, ora ao Pai: "se possível, passa de mim este cálice!" Porém, ele diz: "Contudo, não seja como Eu desejo, mas sim como Tu queres". Mesmo sabendo que era doloroso o "cálice", mas o Filho escolhe a vontade do Pai. Jesus sabia para que fim Ele veio, e que a agonia da cruz, faria parte deste propósito. Entre a sua vontade e a do Pai, Ele escolheu a do Pai.
Por que é tão difícil aceitarmos a vontade do Pai? Por que sofremos tanto quando a vontade do Pai não é a nossa? São perguntas que precisamos refletir! Sofremos quando a vontade do Pai não é a nossa, porque não estamos dispostos à viver a Sua Soberana vontade.
Se a vontade do Pai nos agrada ficamos felizes; quando não, ficamos tristes e, muitas vezes, reclamamos. Quando olho para o Mestre, aprendo que não é o meu desejo que prevalece, mas sim, a vontade do Pai. Outro mais, a vontade do SENHOR, deve ser buscada, anelada, mas isso, com consciência. Quantas vezes oramos e dizemos: "Seja feita a Tua vontade, assim na terra como no céu"; e quando Ele a faz, não queremos acetá-la. Somos muitas vezes hipócritas em nossas orações.
Em janeiro, de 2016, minha mãe adotiva descobriu que estava com o "câncer no colo do útero", e foi em abriu que todos nós ficamos sabendo, pois ela iria começar o tratamento. O pedido dela para mim foi: ore à Deus para que Ele faça a Sua vontade, e não a nossa. Eu sou muito apegada a ela, e somos muito amigas, e ela não sabia como me dizer, por eu estar longe dela. Então, vi que o desejo de minha mãe é: a vontade do Pai. Seja para morte ou para vida.

Quero concluir este post dizendo: precisamos abrir o nosso coração para entendermos que a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável, e que, ainda que seja diferente do que pedimos, será sempre o melhor. Quando passarmos a entender isso, seremos felizes vivendo a vontade do Pai.


Que o SENHOR, em Jesus Seu Filho, nos conceda sabedoria para que busquemos a Sua vontade, porém d coração aberto!! Amem!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgar Blog

Divulgar Blogs

Compartilhe Com os Seus Amigos!!

Google+ Badge

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *