Banner

Quando a Voz de Deus Soa - Propagando o Reino de Deus

Parcerias



Palavra Diária - Blog Evangélico de estudos da palavra

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Largando as PEDRAS!!!

Jesus, porém, foi para o Monte das Oliveiras. E pela manhã cedo tornou para o templo, e todo o povo vinha ter com ele, e, assentando-se, os ensinava. E os escribas e fariseus trouxeram-lhe uma mulher apanhada em adultério; E, pondo-a no meio, disseram-lhe: Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, adulterando. E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes? Isto diziam eles, tentando-o, para que tivessem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra. E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela. E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra. Quando ouviram isto, redargüidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio. E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou? E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais. (Jo. 8: 1 -11)

A oração em destaque é o meu foco de explicação. Não quero falar sobre a PECADORA, mas sim, sobre os ACUSADORES.

Cada um tinha queria jogar uma pedra. Cada pedra de tamanho diferente. Eufóricos, esperavam o momento para jogá-las. Alguns se atreveram e falaram (imaginemos o tom da voz, a expressão no olhar de cada um): Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, adulterando. E na lei nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Outros ficaram apenas olhando, esperando só o momento de atirarem. Ele (Jesus) permanece em silêncio. Acredite, estava ovindo muito bem. Mas como não viam atitude alguma de sua parte, insistiram. E, logo percebe-se um movimento de seu corpo. Jesus levanta o seu olhar que estava direcionado ao chão, e diz: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela. A consciência pesou. A vergonha tomou conta de cada um deles. E em silêncio, sairam.
Aos olhos de Deus, não existe pecadinho, nem pecadão, mas sim, PECADO. Nós pecamos em pensamentos, palavras e obras. E quantas vezes nos sentamos na cadeira de ACUSAÇÃO e passamos a acusar as pessoas e a condená-las? E como a esses (da história) ACUSADORES nos assemelhamos. Não vamos mais ATIRAR pedras! Ergamos a bandeira da HUMILDADE, e reconheçamos que também pecamos. Aqueles homens quiseram tentar a Jesus, mas ficaram envergonhados, pois levaram a "réu" para o Juíz Perdoador de Pecados, mas não sabiam. Lembremos, ninguém tem o direito de APEDREJAR ninguém. Tenha cuidado, não saia por ai a atirar PEDRAS nos outros, pois esta PEDRA pode cair na tua CABEÇA.

VAMOS LARGAR AS PEDRAS!!!
Cristiane Correia
Na Graça do Pai...   

Manancial - Aline Barros


 Manancial
Fonte de vida
De onde preciso e quero beber todos os dias
Bem mais que um desejo
Tu és essencial pra sustentar a minha vida
Senhor Jesus

(Refrão)
Eu tenho sede de Ti
Minha alma anseia por Ti
Só me satisfaço quando estou junto aos teus pés
Eu tenho sede de Ti
Minha alma anseia por Ti
Manancial, única fonte de vida Tu És.






terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Salmos 23


Salmo de Davi 
O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilasRefrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome. Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam. Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda. Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do SENHOR por longos dias. (Sl.23.1-6)
Vermelho - O salmista expressa a sua alegria em ter o SENHOR como o seu Pastor. Experiente na área de pastorear, Davi sabia os cuidados que todo o pastor tem com o seu rebanho. Ele busca o melhor PASTO. Leva às águas doce, e tranquila - Aprendemos com Davi o quanto Deus é ZELOSO, PROTETOR, e PROVEDOR. Quem confia em Deus, descansa. Por que se preocupar se Ele está no controle de tudo? Por que temer se Eles está conosco? A vara e o cajado são os principais utensílios que todo o pastor possui. Segundo a Wikipédia, em algumas ocasiões, o cajado podia ser utilizado como arma. O cajado tem duas funções principais: Quando segurado pelo lado da curva, serve de vara para corrigir ou castigar as ovelhas que se desviam, e segurando-o pelo lado reto serve para socorrer a ovelha caída em buracos ou precipício, puxando-a pela curva do cajado. Deus é o nosso Pastor, e as suas ovelhas conhece a sua voz.
 Azul - O refrigério no salmo 23 é sinônimo de tranquilidade, de paz. Este é um pedido que todo o cristão deve fazer a Deus - guia-me pelas veredas da justiça - o salmista Davi pediu ao Senhor que o guiasse no caminho da justiça, por amor ao Seu nome. Para liderar, é preciso agir com justiça. Para servir a Deus na beleza da sua santidade, precisa-se de está no caminho da justiça, e Deus é, o Único que pode nos guiar por este caminho.
Rosa - vale da sombra da morte - O salmista se referia a este vale no seu sentido real, O Vale da Sombra da Morte é um desfiladeiro aladeirado, denso e apertado. Segundo alguns historiadores, neste vale, haviam algumas cavernas e onde se era preparado as emboscadas. Davi sabia que dependia totalmente da presença de Deus, e que sem o Senhor, O Bom Pastor, ele não poderia vencer os seus inimigos. Vemos na expressão do do servo de Deus - não temeria mal algum, porque tu estás comigo - Davi expressa a sua confiança unicamente em Deus, embora tivesse muitos à os seus serviços, mas, era no Senhor que ele depositava total confiança.
 Verde - É impressionante esse pedido de Davi - Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos - Quem nunca se deparou com uma situação onde tivesse que orar a Deus para que Ele pusesse para bem longe aqueles que investem contra a sua vida? Davi nos ensina diferente: pedir a Deus que prepare uma mesa perante (mim, ti) na presença dos inimigos. Nada de pedir que Deus mate, que ponha para longe. Peça ao Senhor que todos aqueles que buscam ver a tua queda, o teu mal, estejam juntos com você sentados à mesa, para contemplarem a GLÓRIA DO SENHOR na tua vida.
Mostarda - A expressão de Davi já neste trecho, revela a certeza da bondade e misericórdia de Deus, pois, ele tinha o Senhor como o Pastor de sua vida. O salmista não quis dizer que seria fácil servir ao Senhor, mas sim, que, independente das inúmeras dificuldades que ele iria passar a bondade e misericórdia do Senhor o seguiria por todos os dias de sua vida.
Azul-Escuro - Está na casa de Deus é uma Vitória concedida pelo Senhor. o rei Davi passava por muitas guerras, e tinha razões de sobra para está na presença do Senhor buscando a sua face. Esta oração não é um diálogo, pois para ser diálogo, se a trocas de falas entra as pessoas da situação. Mas, o que podemos entender nesta oração? O reconhecimento de Davi, com relação a Deus. Vemos todo o momento o salmista se expressando, sem a intervenção do Pastor. Davi se dirigia a Deus, e o Senhor o ouvia.
Que venhamos viver realmente a palavra de Deus como ela é. Sem hipocrisia. Deus conhece o nosso coração. Ele sabe quando estamos sendo verdadeiros, ou não. Deus não se engana. Você realmente confia em Deus? Será? Analise bem o seu coração, e viva a palavra do Senhor como Ele o que que você viva. 
Cristiane Correia 
Na Graça do Pai... 

domingo, 13 de fevereiro de 2011

A Reedificação do Templo

"Assim fala o SENHOR dos Exércitos, dizendo: Este povo diz: Não veio ainda o tempo, o tempo em que a casa do SENHOR deve ser edificada. Veio, pois, a palavra do SENHOR, por intermédio do profeta Ageu, dizendo: Porventura é para vós tempo de habitardes nas vossas casas forradas, enquanto esta casa fica deserta? Ora, pois, assim diz o SENHOR dos Exércitos: Considerai os vossos caminhos. Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Considerai os vossos caminhos. Subi ao monte, e trazei madeira, e edificai a casa; e dela me agradarei, e serei glorificado, diz o SENHOR. Esperastes o muito, mas eis que veio a ser pouco; e esse pouco, quando o trouxestes para casa, eu dissipei com um sopro. Por que causa? disse o SENHOR dos Exércitos. Por causa da minha casa, que está deserta, enquanto cada um de vós corre à sua própria casa. Então Zorobabel, filho de Sealtiel, e Josué, filho de Jozadaque, sumo sacerdote, e todo o restante do povo obedeceram à voz do SENHOR seu Deus, e às palavras do profeta Ageu, assim como o SENHOR seu Deus o enviara; e temeu o povo diante do SENHOR. Então Ageu, o mensageiro do SENHOR, falou ao povo conforme a mensagem do SENHOR, dizendo: Eu sou convosco, diz o SENHOR. E o SENHOR suscitou o espírito de Zorobabel, filho de Sealtiel, governador de Judá, e o espírito de Josué, filho de Jozadaque, sumo sacerdote, e o espírito de todo o restante do povo, e eles vieram, e fizeram a obra na casa do SENHOR dos Exércitos, seu Deus," (Ageu 1:2-4, 7-14).

- Aprendemos com esta passagem:  
1. A importância de priorizarmos a obra do Senhor - O que estava acontecendo com o povo de Judá era consequência de seu abandono à construção da casa de Deus. O povo estava preocupado com o seu bem estar, sua moradia. Estavam tão preocupados com eles mesmos, que não viam que o tempo da reconstrução do templo era já. Estavam tão descansados em suas vontades que, não percebiam que eles mesmos provocavam toda a situação que se encontravam. Deus não merece o RESTO, mas sim as PRIMÍCIAS. Dê o melhor. Faça o melhor. Dê prioridade à Deus, pois é dele que você depende. Não deixe para fazer a obra de Deus no aperto.
2. Atender à Voz do Senhor - Depois de Deus chamar o povo à atenção, os responsáveis, Zorobabel, filho de Sealtiel, e Josué, filho de Jozadaque, sumo sacerdote , e todo o resto do povo, atenderam à voz do Senhor e se puseram a trabalhar na Casa do Senhor. Isto nos implica dizer que: temos que está atentos à voz de Deus, pois Ele sempre está a nos outorgar algo. Não endureça o coração ao ouvir a voz do Todo Poderoso. Se renda à vontade do Pai Celestial. Se renda ao planos Divino. 


Cristiane Correia
Na Graça do Pai...   

sábado, 12 de fevereiro de 2011

A Propagação do Evangelho

"No demais, irmãos, rogai por nós, para que a palavra do Senhor tenha livre curso e seja glorificada, como também o é entre vós;" (2Ts. 3:1)


O que podemos entender nas expressões (em negrito) do apóstolo Paulo?
1. rogai por nós - No pedido do apóstolo Paulo à igreja de Tessalônica, vemos a necessidade que temos da oração dos irmão, principalmente, no objetivo da disseminação da palavra de Deus. Precisamos estar orando constantemente à Deus pelos servos do Senhor que estão em Missão, seja esta longe, ou perto.
2. a palavra do Senhor - A Palavra de Deus Salva, Cura, Liberta, Transforma, Prepara o homem e o Leva para o Céu. É a Palavra da Cruz que precisa ser anunciada. Muitos, hoje em dia, já perderam o foco. A Palavra do Senhor não é para acalentar o EGO de ninguém, mas sim, libertar, salvar. Quantos que tem feito da Ministração da Palavra de Deus um meio de "sobrevivência". Pregam, mas para se manter. Para pagar as contas. Para andar vestidos com as roupas mais caras e calçar os melhores sapatos. Comprar o melhor carro. É um absurdo cobrar para levar a palavra de Deus. Paulo não pediu "X" valor para levar os conselhos vindos do Coração de Deus à o seu, para a igreja em Tessalônica, contrario, ele pediu o que dinheiro nenhum pode pagar, a ORAÇÃO do irmãos.
3. livre curso - O pedido de Paulo à igreja tinha um objetivo, o caminho livre para a propagação do evangelho do Senhor Jesus Cristo. Sabemos as inúmeras barreiras que há para que a Palavra do Senhor seja pregada, e vemos o porque que o apóstolo pede oração, pois assim como hoje, antes também não era fácil pregar a palavra de Deus. Vamos interceder pelos ministros de Deus, que tem VERDADEIRAMENTE COMPROMISSO com a palavra do Senhor. Peçamos ao Todo-Poderoso que Ele venha derrubar as barreiras que impedem a disseminação da Palavra da Cruz. 
4. seja glorificada - Glória a Deus! Para o apóstolo Paulo havia algo essencial em pregar a palavra do Senhor, e isto era que, a palavra de Deus fosse glorificada. Ou seja, tudo para a glória de Deus. O livre acesso às pessoas, aos lugares, era para a glória da palavra do Senhor. Tenhamos em mente que, não temos nada se não vier da parte de Deus. Não somos nada, se Ele não for na nossa vida. Sem Ele, nada podemos fazer. Então, tudo seja para GLÓRIA E HONRA DA PALAVRA DE DEUS!!


Cristiane Correia
Na Graça do Pai...  

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Uma Mulher em Missão!!

O livro dos Juízes mostra alguns deslizes do povo de Israel. Enquanto havia alguém escolhido por Deus na liderança, o povo servia e adorava ao Deus do Céu, mas morrendo o líder, o povo se desviava e seguia a outros deuses. Ao serem oprimidos, castigados, os israelitas clamavam ao Senhor e ele, assim como das outras vezes, os salvava. Foi em um desses momentos que Deus levantou uma mulher como juíza e profetisa em Israel. Débora, era o seu nome. Conhecida por seu caráter, de: 
1. Mulher consagrada a Deus - ela tinha compromisso e responsabilidade com a obra do Senhor (Jz.4: 4 - 5);
2. Era uma juíza em tempos difíceis - a sua liderança foi em tempos de servidão sob as mãos de Jabim, rei de Canaã. Após a morte de Eúde, os filhos de Israel tornaram a fazer o que era mau à os olhos do Senhor, por isso, Deus os entregou nas mãos de Jabim. Esse tempo era de idolatria explicita, de castigo divino (Jz. 4: 2) sobre Israel e de grande sofrimento e tribulação (Jz. 4: 3);
3. Tinha Deus como seu refúgio seguro - diante da situação, que era na verdade muito difícil, esta mulher recorre a Deus. Analisando o texto, vemos que Débora confiava extremamente no Senhor do Exércitos e cria nas suas promessas e ordens (Jz. 4: 6);
4. Atribuiu à Deus toda honra e glória, após conquistar a vitória segundo o poder do Senhor - no Cântico, Débora relata todo o processo da guerra e é à Deus que ela, junto com Baraque, exalta (Jz. 5).

Como não glorificar ao Todo Poderoso por seus feitos? Lhe atribuir toda honra e glória, pois sem ele nada podemos fazer. Débora não foi a unica mulher que Deus usou sobre a terra, podemos ainda encontrar nas Escrituras Sagradas outros exemplos de mulheres escolhidas, chamadas e preparadas para a obra do Senhor. Assim como esta mulher, há hoje muitas as quais o Senhor escolheu para uma Grande Missão. Não abra mão do chamado do Senhor. Não se sinta inferior a ninguém ( com humildade). Busque qual a vontade de Deus para você. 
Me lembro bem, que assim que me converti ao Senhor Jesus, passei por muitas dificuldades, por muitas mesmo, mas sempre pude contemplar as Potentes Mãos de Deus. Desde quando me converti à Cristo que venho com muita satisfação pregando a palavra do Senhor. E, em certo dia, eu estava em uma reunião com o departamento infantil, quando ouço um barulho na igreja ( eu estava numa sala a parte). Ao me aproximar vi as irmãs muito revoltadas, e reclamavam muito. Foi quando se aproximou de mim uma irmão e me disse: Cristiane, você é a causa de tudo isso! Fiquei chocada, e perguntei o que eu tinha feito. Ela respondeu: Você leu a leitura oficial do culto e pregou. Toda a confusão foi provocada por um irmão, que disse que mulher não sabe fazer nada, e que o Pb que havia me passado a oportunidade estava mudando as normas da igreja, e que mulher não ler a leitura oficial. Bom, eu sei em quem tenho Crido, e não me abalei por isso, pois a minha fé está edificada no Deus que morreu por mim e que ressuscitou e hoje está à direita do Pai. O que seria de mim e de muitas se Deus nos olhasse como o homem olha. Hoje, eu prossigo pregando o evangelho, é minha razão de vida, é o alimento pra minha alma, é a razão pela qual estou de pé, a Obra e a Chamada de Deus!!

Deus é Contigo, Serva de Deus!!
Cristiane Correia
Na Graça do Pai...

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Para Quem Iremos Nós?


Muitos, pois, dos seus discípulos, ouvindo isto, disseram: Duro é este discurso; quem o pode ouvir?
Desde então muitos dos seus discípulos tornaram para trás, e já não andavam com ele.
Então disse Jesus aos doze: Quereis vós também retirar-vos?
Respondeu-lhe, pois, Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. (João. 6: 60,66-68).

Quero extrair desta cena algumas lições de muita importância:
1.Estar disposto à ouvir o que Jesus tem para falar - Os discípulos haviam contemplado um milagre maravilhoso, Jesus multiplicou pães e peixes. Mas, ao se aproximarem do Mestre, ficaram frustrados com o que Jesus lhes falou. Não adianta vir à Ele com "palavrinhas bonitas", se Ele sabe se elas procedem do coração, ou não. Cuidado! Pense bem antes de se dirigir ao Senhor, pois Ele sabe o que vamos falar, antes mesmo de falarmo (Sl.139:4). O que deixou aqueles discípulos frustrados ( esses discípulos não são os doze) foi a resposta de Jesus à pergunta deles, que foi : "...Rabi, quando chegaste aqui?" (João. 6: 25). Jesus responde: "...Na verdade, na verdade vos digo que me buscais, não pelos sinais que vistes, mas porque comestes do pão e vos saciastes.(João. 6:26). Glória a Deus, que conhece o coração do ser humano!
O discurso de Jesus não agradou a muitos. Hoje não mudou nada, muitos se dispõe a ir à igreja para ouvir o que ele quer, mas não o que Jesus quer falar. Se é advertência, aceitemos. É repreensão? Aceitemos e busquemos a viver conforme a tudo o que Jesus falou. As vezes Jesus falar de um jeito que a gente fica meio que triste, o Pai está reclamando das nossas atitudes, mas glorifiquemos ao seu nome, pois Ele nos castiga e nos repreende porque nos ama (Ap. 3:19).
2.Não tornar à trás - Muitos dos discípulos voltaram à trás depois de ouvirem as duras palavras do Senhor Jesus. O que contemplamos aqui, é um grupo de pessoas que estão acostumadas a ouvirem palavras que lhes agradem (entendam que não me refiro que, Jesus vivia falando para agradar). Há momentos que Deus fala aquilo que o nosso coração almeja, mas é dentro da necessidade que temos. O milagre da multiplicação dos pães e peixes se fez necessário, pois Jesus não o fez para se apresentar, mas para atender a necessidade do povo. Aqueles que estão dispostos à ouvir de Deus o que Ele tem, não torna à trás.
3.Ter consciência que Jesus é o Único que tem as Palavras de Vida Eterna - Todo aquele que tem guardado consigo isso, não torna à trás. Pedro faz uma pergunta a Jesus, e ele mesmo responde a sua própria pergunta:Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. Não tem para quem fugir, só Jesus tem as palavras de vida eterna. Só ele é o Caminho, a verdade, e a vida. Só Jesus é a água que sacia a sede da alma. Jesus, é a Unica Porta que ao abrir leva o ser humano ao lugar de descanso. Ele é o Pão Vivo que desceu do céu. O Único que pode reconciliar o ser humano com Deus.


Independente das tuas falhas, nunca volte à trás, pois se servindo a Jesus você está achando difícil, imagine sem Ele. Nunca foi, e nunca será tempo de recuar. Não esqueça, Jesus, só Jesus é quem pode te dar as palavras de vida eterna. Pense bem, não faça como aqueles discípulos que desistiram do Mestre.

Cristiane Correia
Na Graça do Pai...

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

A Verdadeira Adoração

Adoração significa louvar, honra, glorificar, (concretamente), especificamente, Cântico. É triste o fato de que muitos já perderam a noção do que é ADORAÇÃO. O texto de hoje, se encontra no Evangelho de João 4: 19-26, que diz:"Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta. Nossos pais adoraram neste monte, e vós dizeis que em Jerusalém é o lugar onde se deve adorar. Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me, a hora vem, em que nem neste monte, nem em Jerusalém adorareis o Pai. Vós adorais o que não conheceis; nós adoramos o que conhecemos; porque a salvação vem dos judeus. Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. Replicou-lhe a mulher: Eu sei que vem o Messias (que se chama o Cristo); quando ele vier há de nos anunciar todas as coisas. Disse-lhe Jesus: Eu o sou, eu que falo contigo". No diálogo entre Jesus e a mulher samaritana podemos extrair (entre muitas) duas lições muito importantes e indispensáveis : ADORAR O QUE NÃO CONHECE E ADORAR O QUE CONHECE. Para os samaritanos, o lugar de adoração era o Monte Gerisim, e não em Jerusalém, como afirmavam os judeus. Imaginemos quantos tempo os samaritanos passou adorando o que eles não conheciam? Infelizmente, existem muitos que, embora na igreja, ainda não conhecem a Jesus. Como adorar o que não conhece? Muitos estão com a mente fechada. Para que  a adoração seja verdadeira, é preciso primeiro conhecer a JESUS. Não importa quanto tempo faz que você está na igreja, ou se você vem de uma família de líderes, se você não conhece JESUS, a sua adoração não está sendo verdadeira. O conhecimento da pessoa de Deus é ESSENCIAL. O número de pessoas que vão à Casa do Senhor porque estão precisando de uma coisa e outra, é grande. Sei que temos necessidades e muitas delas só Deus pode suprir, mas já tentou reservar alguns momentos para ir à Casa do Senhor para apenas ADORÁ-LO? Amados, Deus é Mestre por Excelência para nos ensinar como adorá-lo, reverenciá-lo, honrá-lo. A Adoração a Deus deve ser EM ESPÍRITO E EM VERDADE. Nada de aparência, Ele conhece o meu e o teu coração. Lembre-se, ADORE O QUE VOCÊ CONHECE, JESUS!!!! 

Divulgar Blog

Divulgar Blogs

Compartilhe Com os Seus Amigos!!

Google+ Badge

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *